Questo sito usa cookie per fornirti un'esperienza migliore. Proseguendo la navigazione accetti l'utilizzo dei cookie da parte nostra OK
ambasciata_lisbona

Discorso dell'Ambasciatore in occasione della Festa della Repubblica (2 giugno 2016)

Data:

07/06/2016


Discorso dell'Ambasciatore in occasione della Festa della Repubblica (2 giugno 2016)

Senhora Ministra da Administração Interna Dra. Constança Urbano de Sousa, Excelências, minhas senhoras, meus senhores. Bem vindas e bem vindos a Festa da República Italiana no septuagésimo aniversario da fundação da República, que aqui em Lisboa é dedicado ao made in Italy, e a gastronomia italiana símbolo da nossa cultura.
Em primeiro lugar permitam-me agradecer a banda da Guarda Nacional Republicana para ter tão egregiamente executado os nossos hinos nacionais e a performance do quarteto de arcos.
Portugal e Itália têm muito em comum. Somos europeístas, partilhamos uma visão da Europa solidária e multiétnica, acreditamos que é essencial conjugar a redução da divida pública com o crescimento da economia e a criação de emprego. Sem crescimento da economia seria ilusório abater a dívida; sem novos empregos tiramos toda esperança aos jovens.
Nunca como neste momento tive a impressão de que os nossos dois países são tão vizinhos. Somos ambos presentes na COTEC e no grupo de Arraiolos. O Presidente da República Portuguesa foi a Itália numa visita ao Presidente Mattarella; a Presidente da Câmara de Deputados, Laura Boldrini esteve aqui há pouco tempo em visita oficial.
Estas relações institucionais são certamente importantes, mas não são e não devem ser exclusivas. Aqui existe uma nova presença de italianos e italianas: economistas, médicos, investigadores, empresários, advogados, arquitectos; italianos estão presentes no sector da restauração e do turismo. E’ uma presença em grande parte de jovens. Temos uma magnifica geração Erasmus, incluindo casais que podem ser considerados filhos de Erasmus, e que são um verdadeiro exemplo da Europa que funciona. A Embaixada de Itália quer valorizar esta nova presença de italianos, tornando-se cada vez mais uma Embaixada aberta come deve ser uma Embaixada contemporânea.
No plano cultural, com o Instituto Italiano de Cultura queremos potenciar os cursos de língua e estar presentes com as nossa actividades não apenas em Lisboa, mas também em outras importantes cidades portuguesas, a começar pela cidade do Porto.
No plano económico queremos reforçar as relações com Portugal, aproveitando o facto de Portugal apresentar importantes oportunidades de investimentos para as empresas italianas.
Mas sobretudo, o objectivo fundamental é aprofundar o conhecimento real e não retórico entre os nossos dois povos. Portugal deve ser mas conhecido na Itália de quanto não o seja agora. Portugal é um país com uma história antiga e uma grande cultura, mas è também um país do futuro: um país cosmopolita, acolhedor, o país do web summit e da arte contemporânea. É tudo isto que eu quero valorizar, isto é o meu empenho.

Ed ora due parole in italiano. Sono qui da pochi mesi e devo dire che ho trovato un ambiente molto accogliente e soprattutto ho trovato una società che guarda all’Italia con simpatia, curiosità ed interesse. Non dobbiamo mai dare nulla per scontato quindi dobbiamo lavorare affinché tutto ciò si traduca in una più forte presenza italiana in Portogallo. Ho visto che gli italiani sono qui molto ben inseriti, e anche questa è una cosa che ci fa sperare bene per il futuro.
Come Ambasciata, i miei collaboratori ed io cerchiamo di essere sempre pronti a rispondere alle vostre richieste. Abbiamo migliorato il sito web e stiamo cercando di migliorare i servizi consolari. Lavoriamo con la Camera di Commercio italiana di Lisbona per venire incontro alle richieste degli imprenditori italiani interessati al Portogallo, come pure dei portoghesi che vogliono lavorare con l’Italia. Con l’Istituto di Cultura di Lisbona e la Società Dante Alighieri di Porto cerchiamo di migliorare l’offerta culturale, rendendola più adatta ai tempi. Per cercare di fare sempre meglio (non si fa mai bene abbastanza) siamo aperti ai vostri consigli. Non esitate a scrivere direttamente anche a me se lo desiderate.
Antes de concluir desejo agradecer não apenas todos os meus colegas da Embaixada por ter permitido a realização deste evento, como também as empresas que nos apojaram.

Si ringraziano per il sostegno: (cliccare per visualizzare l'elenco)

 

 


355